Foi sancionada pelo Presidente da República, a Lei nº 13.470 de 26 de julho de 2017, que inclui no calendário turístico oficial do País a Festa do Vinho Goethe, no Distrito de Azambuja, Município de Pedras Grandes, Estado de Santa Catarina.

Conforme a Lei, a festa realizar-se-á, anualmente, na primeira quinzena do mês de julho.

O Distrito de Azambuja recebeu a primeira colônia de imigrantes italianos na região sul de Santa Catarina. Eles desenvolveram o cultivo da uva Goethe e a produção de um vinho diferenciado. Em 2011, a bebida recebeu o registro de Indicação Geográfica de Procedência (IGP).

Este registro consiste em um selo concedido aos vinhos com origem nos “Vales da Uva Goethe”, que, além de sua qualidade, relaciona características históricas e culturais que os diferenciam dos demais.

A primeira das características relacionadas à Indicação Geográfica de Procedência é a tipicidade. Os vinhos Goethe da região são reconhecidos como verdadeiros terroirs devido a sua íntima relação com as condições específicas de clima-solos. Além disso, a variedade Goethe é estudada durante todo ciclo vegetativo, da poda à colheita, e parte das uvas é utilizada para as análises em métodos de microvinificação.

Com isso, a festa além de colaborar para o resgate e a valorização da imigração italiana, ela fomenta o comércio, o turismo e os serviços na cidade de Pedras Grandes, disse o senador Dário Berger, relator da matéria transformada em Lei.

Veja a íntegra da Lei nº 13.470/2017

Anúncios