Dois dias antes da centenária maratona, uma das poucas privilegiadas participante, Luciane Mildenberger, escreveu o seguinte:

Falta pouco, muito pouco…pois dia 17/04/17 estarei atravessando a linha de chegada da maratona de Boston, onde todos os maratonistas do mundo sonham um dia chegar. É a maratona mais linda, a mais antiga e a mais festejada pela comunidade local. Boston simplesmente respira essa maratona, você não tem ideia do que é estar aqui!!!.

Meu sonho começou há cerca de dois anos, depois que corri minha primeira maratona, a de Berlim, e sai de lá com um único pensamento: que eu iria correr a maratona de Boston…e por mérito próprio, ou seja, buscaria o tão sonhado índice que me permitisse participar.

E assim foi…treinei muito para a maratona de Porto Alegre (para conseguir o índice) e quando cruzei a linha de chegada agradeci a Deus e pensei: consegui, vou pra Boston.

De lá pra cá foram muitos kms de treino, muito fortalecimento muscular, algumas lesões pelo caminho (quem treina sempre tem) e hoje sinto um misto de emoção, ansiedade e muita alegria por estar aqui. Realizar um sonho não é fácil, mas é possível! Exige muita dedicação, determinação, persistência e renúncia. Mas vale a pena, vale cada gota de suor, vale cada noite mal dormida…a sensação de conseguir é maravilhosa.

Meu sonho começou há cerca de dois anos, depois que corri minha primeira maratona, a de Berlim, e sai de lá com um único pensamento: que eu iria correr a maratona de Boston.

Por isso, não desista dos seus sonhos…lute, busque e tenha certeza que uma hora você vai conseguir! Não desista!!!

E após cruzar da linha de chegada da tão sonhada prova, nossa atleta conclui sua experiência dizendo que:

Um sonho só é possível se você acredita nele! Mais um desafio realizado…e pensa num desafio duro!!! Mas no fim deu tudo certo! Maratona de Boston, 3:59:09. Agora descobri porque esse unicórnio é tão desejado; relatou, referindo-se ao símbolo da Boston Atlethics Association.

Sol forte, tempo muito seco e muitas subidas!!! Por outro lado, incentivo da população durante os 42.195 km. A experiência é única!!! Organização nota mil.

Agradeço de coração a Deus, ao meu treinador, à minha fisioterapeuta, e às amigas e amigos que estavam na torcida! Que venha a próxima.

Luciane Mildenberger, largou a vida sedentária para se tornar maratonista é também jornalista, advogada e possui o site http://www.correndoamil.com.br

Anúncios